sexta-feira

A Fragilidade da Imagem de Jacareí Aparições de sinais. Marquinho Inteligentol Santuário das Aparições de Jacareí SP.

A Fragilidade da Imagem de Jacareí Aparições de sinais

A Fragilidade da Imagem de Jacareí Aparições de sinais
Marcos descreve a imagem de Maria como uma jovem, quase adolescente, com cerca de dezoito anos. Ela é descrita como uma figura luminosa, jovem e sorridente, que somente se identifica como Nossa Senhora, mãe de Jesus, após dois anos de aparições. Até então era chamada de “jovem senhora”, ou “jovem luminosa”. Citamos aqui duas descrições da aparição, a primeira relatada por Marcos Tadeu e a segunda presente no livro “Maria nas aparições de Jacareí”, organizado pelo grupo de apoio das manifestações.
“Podia vê-la nitidamente: era uma jovem de uns dezoito anos, com um vestido levemente cinzento, puxando para o azul, um manto branco como a
neve, uma coroa de doze estrelas na cabeça, uma longa faixa branca atada na cintura. Em suas mãos havia um terço de contas brilhantes e luminosas. Nunca vi uma mulher tão bela quanto ela. Docemente me fazia um sinal para que eu me aproximasse. Ela sorria, com aqueles olhos azuis inesquecíveis.”
Marcos Tadeu
“É belíssima, radiante, cheia de beleza e amor. Tem os cabelos negros como a noite, rosto suave, sereno, banhado de luz e doçura. Fala o português claro. Sua voz é melodiosa, celestial. Aparenta ter uns dezoito anos. Seu jeito de tratar é muito carinhoso, maternal. Vem com uma coroa de doze estrelas na cabeça, pequenos pontos azuis luminosos. Seu manto é de cor cinza azulado e o manto é de uma brancura maior do que a neve. Traz um longo terço de contas luminosas em suas mãos. Seus olhos são de um azul brilhante, fulgurante. Pousa no ar, em uma nuvem branca que não toca o chão.”
Passagem do livro “as aparições de Maria em Jacareí” Página 23
As duas descrições possuem características muito semelhantes, pois já existe uma “descrição padrão” da Virgem de Jacareí. O vidente e os peregrinos, quando descrevem a aparição, ressaltam a juventude Nossa Senhora, bem como a sua suavidade e doçura. Todos os elementos descritivos contribuem para a constituição desta imagem doce e suave: seu rosto tem traços suaves, serenos, a sua voz é melodiosa, fala de forma carinhosa, exala um odor de rosas, ela tem olhos azuis brilhantes. Ou seja, a imagem da Virgem possui características muito meigas e suaves.
A imagem que observamos na capela do Monte das aparições procura seguir as características descritas, ela retrata uma jovem, com um rosário nas mãos e vestida com um manto cinza e uma coroa de estrelas na cabeça. A semelhança com a imagem de Nossa Senhora de Fátima é muito grande, ela também uma imagem de uma jovem, de traços belos e suaves, branca, quase loira, com um rosário em uma das mãos e o manto branco com uma coroa. A imagem de Nossa Senhora de Lourdes também não difere destas duas – é jovem, caucasiana e de traços suaves.
Assim, essas imagens da Virgem em aparições têm em comum a juventude e a suavidade, ela aparece como uma moça muito jovem, uma adolescente de cerca de dezoito anos em Jacareí, ou ainda mais jovem em Fátima e Lourdes -, descrita por
Lúcia, a vidente de Fátima, como uma “rapariga de quinze anos” – ou por Bernadette, em Lourdes, como uma menina de doze anos.
Essas imagens de Nossa Senhora correspondem a um modelo que ressalta a feminilidade como doce e suave, sendo que Maria, como modelo desta feminilidade, possui estas características exacerbadas. Todos os adjetivos utilizados em sua descrição contribuem para formar uma imagem de doçura.
Nesse sentido, a idade descrita nas aparições corresponde ao momento em que Maria, segundo a crença católica, recebe a anunciação, ou seja, é informada por meio de um anjo que vai gerar um filho de Deus. É também a partir da anunciação que a postura de submissão de Nossa Senhora diante de Deus começa a ser formada.
Esses pontos merecem ser aprofundados. As características da imagem de Maria em Jacareí - juventude, suavidade e doçura – correspondem a um modelo de mulher. Esse modelo, por meio destas características, reporta-se ao relato bíblico da anunciação e às interpretações dadas a ele. A juventude de Maria corresponde ao período em que ela recebe a visita de um anjo – Gabriel - que lhe anuncia que ela gerará um filho de Deus – e, principalmente, é o momento em que ela aceita ao plano de Deus, dizendo sim para o anjo.

Llian Marian


Marquinho Inteligentol  . Santuário das Aparições de Jacareí SP. são falsas. são verdadeiras, farsa, photoshop, segredo